Entenda como evitar danos e prejuízos na indústria

A estação do verão, apesar de muito querida por grande parte dos brasileiros, é ligada a diversos períodos de chuvas e tempestades. Estes fatores causam a queda de árvores, alagamentos, deslizamento, ou seja, muitos danos à população em geral. Dentre todos esses fenômenos naturais, uma das consequências geradas é a queda de energia elétrica, que pode trazer grandes prejuízos.


 Cada vez mais tem ocorrido, principalmente no Brasil, essas falhas no sistema de energia. E apesar das chuvas e tempestades terem grande influência, o uso excessivo de eletrodomésticos, como ar-condicionado e ventiladores também contribui muito para o crescimento de falhas nas redes elétricas.


Diversos são os prejuízos causados, em todos os setores, por conta da oscilação e da queda da luz. Segundo pesquisa realizada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), 67% das empresas que empregam a eletricidade como base em seu processo produção são impactadas de forma expressiva em razão das interrupções da energia.

  No caso do setor industrial o maior problema da falta de energia elétrica ocorre devido à paralisação da produção nos serviços. No entanto, outro fator que pode acarretar grandes prejuízos se dá no comprometimento e no funcionamento das máquinas, visto que elas podem queimar ou até mesmo começar a apresentar falhas.


Para evitar grandes danos no futuro, a melhor opção é adquirir um gerador de energia, pois caso aconteça de faltar a luz, o equipamento será acionado, suas máquinas não serão desligadas e assim a produção continuará normalmente.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp